Grávida é agredida por amante do marido e desaparece do hospital

A vítima foi levada com um corte no rosto para a maternidade do bairro Promorar de onde fugiu após ter sido atendida.

Uma mulher grávida de seis meses foi agredida pela suposta amante do seu marido, durante uma confusão em um bar, ocorrida no domingo (06/05) no Parque Eliane, zona Sul de Teresina. A vítima foi levada com um corte no rosto para a maternidade do bairro Promorar de onde fugiu após ter sido atendida.

Segundo o Capitão Gerson Santana, a confusão iniciou após a grávida, identificada como Carla, de 26 anos, receber a notícia de que seu marido estaria em um bar, com duas mulheres, por conta disso, ela teria se dirigido ao local para tirar satisfação, e assim a briga teve início.

“A briga iniciou às 6h, do domingo (06), nós recebemos uma informação do Copom, de uma senhora que estava sendo agredida, e se encontrava grávida, a Policia Militar chegou até o local e constatou a veracidade da informação, que a senhora teve a notícia que seu esposo se encontrava com duas mulheres em um bar, e quando ela chegou, houve a discussão”, disse o capitão.

Carla teria sido agredida por duas jovens, uma de 18 anos, identificada como Renata, e a segunda não foi identificada, mas, de acordo com a vítima, atende pelo apelido de “Preta”. A vítima foi levada ao Hospital Geral do Promorar.

No mesmo dia, a suspeita da agressão foi detida por policiais, na região próximo ao bar onde ocorreu o incidente, em seguida, foi levada para a Central de Flagrantes. Retornando à maternidade, os policiais não encontraram mais a vítima, segundo funcionários do local, ela teria saído, ainda com soro no braço. Por conta disso, a possível agressora teve que ser liberada.

“Chegando lá só encontramos a vítima bastante agredida. A amante, a amiga e o marido já tinham sumido. A gente conseguiu pegar uma das agressoras e conduzimos até a Central de Flagrantes, retornamos para a maternidade e tivemos a informação de que a vítima foi internada para tomar soro, por estar grávida, mas acabou deixando o local, com isso, o delegado teve que liberar a suspeita, já que não havia vítima”, disse o capitão.
Veja o vídeo;

Deixe seu comentário, compartilhe em suas redes sociais.

Para mais notícias, curiosidades, dicas de beleza e saúde, novelas, famosos, filmes e séries, não deixe de visitar nosso site e fique por dentro de tudo que rola pelo mundo.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *